Candidatos do PT faltam a debate no Estado; integrantes falam em ‘depuração’ da - WSCOM

menu

Política

14/08/2005


Candidatos do PT faltam a

Candidatos da articulação faltam a novo debate promovido neste sábado (13) pelo Partido dos Trabalhadores no Brejo Paraibano com os candidatos que disputam a presidência estadual da legenda.

Informações divulgadas pela assessoria do PT no Estado anteciparam que existe um entendimento entre os filiados de que é necessário fazer uma ‘depuração no partido’, com o afastamento daqueles que ‘tenham cometido atos que não condizem com a história do PT.’

Mediado por Zoraida Arruda, Secretária de Organização e Coordenadora da Comissão Eleitoral, o debate ocorreu na Câmara Municipal de Guarabira, contando com a presença de 4 (quatro) dos 7 (sete) candidatos concorrentes. Estiveram presentes Agamenon Vieira, Frei Anastácio, Josenilton Feitosa e Gilvan Braz. Os demais justificaram ausência.

Temas como a crise nacional, reforma política, reestruturação do Partido, política de alianças e interiorização do Partido foram abordados pelos candidatos e filiados presentes ao debate.

Este debate ocorrido em Guarabira integra uma agenda de 8 debates que o PT já promoveu no Estado, devendo os próximos ocorrerem em Mamanguape (27), João Pessoa (31) e Itabaiana (11/setembro).

Além dos debates com os candidatos a Presidente, também serão realizados debates entre as 9 (nove) chapas que concorrem ao Diretório Regional, em João Pessoa (dia 26/agosto), Patos (dia 3/setembro) e Campina Grande (dia 10/setembro).

O PT estará realizando eleições para escolha de suas novas direções no dia 18 de setembro e aqui no Estado 22 mil filiados estão aptos a votar. No Brasil somam 800 mil filiados.

Notícias relacionadas