Câmara dos deputados rejeita mudança e descarta "distritão" - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

20/09/2017


Câmara dos Deputados derruba o Distritão

REFORMA POLÍTICA

Foto: autor desconhecido.

Deputados federais derrubaram na noite desta terça-feira a PEC que estabelecia o chamado "distritão", uma das principais propostas para a reforma política. Por 235 votos contra 208, o plenário da Câmara abandonou a proposta de emenda à Constituição, de autoria do deputado Vicente Cândido (PT-SP).

A PEC, rejeitada pouco antes das 23 horas, previa um fundo de até R$3,6 bilhões para as campanhas, além de adotar o sistema de "distritão", onde seriam eleitos os mais votados dentro de uma eleição. A proposta recebeu críticas generalizadas por retirar força dos partidos políticos, o que poderia facilitar a vida de celebridades e aventureiros no sistema político.

Após a decisão da Casa, os deputados iniciaram imediatamente a votação da PEC 282/2016, de relatoria da deputada Shéridan Oliveira (PSDB-RR), que exige uma cláusula de barreira já em 2018, e o fim das coligações proporcionais para as eleições de 2020.

Mesmo que não haja consenso entre os congressistas em relação a pontos do projeto, a PEC 282 – que também corre contra o relógio para ser aprovada na Câmara e no Senado – tem maiores chances de aprovação.

Notícias relacionadas