Bunker de Geddel pode estar ligado a corrupção na Caixa - WSCOM

menu

Política

13/02/2018


Bunker pode estar ligado a corrupção

CAIXA ECONÔMICA

Foto: autor desconhecido.

A Polícia Federal apura o elo entre os R$ 51 milhões encontrados em um apartamento em Salvador, atribuídos aos irmãos Lúcio e Geddel Vieira Lima, e esquemas de corrupção na Caixa Econômica, destaca reportagem do Estadão.

Um relatório de análise sobre documentos apreendidos na casa da mãe do emedebista, Marluce Vieira Lima, dá conta de que Geddel liberou R$ 5,8 bilhões a empresas investigadas por desvios no banco.

Um dos caminhos na investigação sobre a origem do dinheiro, no âmbito da Operação Tesouro Perdido, é o doleiro Lúcio Funaro, que revelou ter levado malas de dinheiro ao emedebista em voos a Salvador, que totalizaram R$ 20 milhões.

Notícias relacionadas