Brasileiro tem sete jogos neste domingo - WSCOM

menu

Mais Esporte

04/06/2006


Brasileiro tem sete jogos neste

A primeira fase do Campeonato Brasileiro chega ao seu final neste domingo, com a realização de sete jogos e com o Cruzeiro na liderança provisória, já que venceu o Fortaleza e o Fluminense foi derrotado pelo Internacional. Confira os jogos deste domingo:

Atlético-PR x Palmeiras

São Paulo – Em crise no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras tem motivos de sobra para temer o confronto deste final de semana, contra o Atlético-PR. O Verdão jamais venceu o adversário na Arena da Baixada e ainda pior: nunca marcou nem mesmo um gol no estádio que abriga o jogo deste domingo, às 16h.

Construída em 1999, o local já foi palco de quatro confrontos entre as duas equipes nos últimos sete anos. A equipe de Parque Antarctica acumula duas derrotas e dois empates sem gols. No último encontro, o Furacão impôs uma goleada: 4 a 0, no dia 6 de novembro de 2005.

A derrota quase custou a vaga palmeirense à Copa Libertadores da América deste ano. O time, então comandado pelo técnico Emerson Leão, conseguiu a classificação para o torneio continental após uma série de tropeços do Fluminense e uma vitória, na última rodada, justamente sobre o tricolor carioca, em casa.

Vasco x Santa Cruz

Rio – Atravessando um incômodo jejum de vitórias que já dura seis partidas, o Vasco encara o jogo deste domingo, contra o Santa Cruz, em São Januário, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, como uma ótima oportunidade de elevar o moral do grupo. Os jogadores não querem passar os 38 dias de paralisação com a imagem de um time que não vence.

Com dez pontos, na 16ª colocação (última acima da zona de rebaixamento), o Vasco enfrentará o lanterna da competição e um dos principais candidatos ao descenso. O time pernambucano é o único clube que ainda não venceu e soma apenas três pontos, conquistados com igual número de empates (todos em casa).

Corinthians x Fla

São Paulo – Uma corriqueira troca de posições na tabela de classificação pode significar muito para Corinthians e Flamengo ao término do confronto marcado para as 16h deste domingo, no Morumbi. Preocupadas em buscar uma posição melhor no Brasileirão após o término da Copa do Mundo, ambas equipes querem evitar a qualquer custo `dormirem` na zona de rebaixamento durante a interrupção da competição.

A maior preocupação, na verdade, não é ficar exatamente entre os quatro últimos colocados após dez rodadas. O que assusta tanto Corinthians quanto Flamengo é passar o período entre 4 de junho e a 11ª rodada – marcada para os dias 12 e 13 de julho – com a pressão e a obrigação de recomeçar o campeonato com a missão de sair da zona da `degola`.

Integrante mais recente do bloco dos desesperados do Brasileirão, o Corinthians pode respirar minimamente aliviado até sua reestréia no campeonato – contra o Cruzeiro, no Mineirão – caso vença o Flamengo, já que iria aos 12 pontos, um a mais que seu adversário, que retomará sua trajetória na competição ante o Paraná, no Maracanã.

Ponte Preta x Figueirense

São Paulo – A Ponte Preta teve um mau início de Campeonato Brasileiro. No entanto, o técnico Marco Aurélio retornou à equipe campineira e trouxe sorte. Na última rodada, em sua estréia, o treinador levou o time à vitória e quer repetir o feito neste domingo, às 16h, no estádio Moisés Lucarelli, diante do Figueirense.

A vitória é essencial para os planos da Ponte em se manter fora da zona de rebaixamento. Com 11 pontos, a Macaca está a apenas dois do 17º colocado, o primeiro dos quatro últimos. Caso vença, o time de Marco Aurélio chega aos 14 e se livra de ficar na zona de risco durante toda a Copa do Mundo, que o Campeonato Brasileiro terá uma pausa.

O Figueirense também vem de vitória na última rodada, 3 a 2 sobre o Botafogo, em pleno Maracanã. A equipe catarinense, aliás, não sabe o que é uma derrota desde a quarta rodada. De lá para cá foram três vitória e dois empates.

Goiás x Paraná

São Paulo – Goiás e Paraná se enfrentam neste domingo, às 18h10, no estádio Serra Dourada, com o mesmo objetivo: provar o bom momento no Campeonato Brasileiro. Ambas as equipes passaram por um período conturbado na temporada, porém voltaram ao caminho das vitórias e querem terminar a competição antes da pausa para a disputa na Copa do Mundo de maneira positiva.

O Verdão do Cerrado está em situação mais tranqüila na classificação. Na sexta colocação, a equipe esmeraldina soma 17 pontos após nove partidas, dois a menos que o líder São Paulo. Já o Tricolor paranaense não vai também assim, mas figura longe da zona de rebaixamento, com 12 pontos, em décimo lugar.

Porém, não foi sempre que a equipe do técnico Caio Júnior esteve em posição intermediária. O Paraná ficou quatro rodadas sem vencer (com duas derrotas e dois empates) e esteve nas últimas colocações da tabela.

Juventude x São Paulo

São Paulo – “Obcecado pela vitória”. A expressão foi usada pelo técnico Muricy Ramalho para definir o estilo do líder São Paulo. E para continuar na ponta do Campeonato Brasileiro, o time do Morumbi precisará fazer valer esse lema neste domingo, quando o Tricolor encara o Juventude, às 18h10, em Caxias do Sul. A partida é válida pela décima rodada, a última antes da parada para Copa do Mundo.

A cobrança pelo triunfo neste domingo, no entanto, deve ser maior do que em outras ocasiões. Isso porque o time ainda não venceu fora do estado de São Paulo (a única vez que ganhou como visitante foi do Corinthians em São José do Rio Preto). E também porque um tropeço pode significar a perda da liderança – a meta do São Paulo é terminar essas dez primeiras rodadas no posto mais alto da tabela.

Santos x Botafogo

Santos – As derrotas do meio de semana esfriaram as pretensões de Santos e Botafogo no Brasileiro, que se enfrentam neste domingo, às 18h10, na Vila Belmiro, para evitar um estrago maior na competição.

Líder durante as primeiras rodadas da competição e vitorioso no clássico ante o Corinthians, o Peixe chegou a reativar o projeto de terminar a fase pré-Copa do Mundo na liderança. O plano não durou muito. A derrota para o Grêmio fez com que o time estacionasse na quinta posição, com os 17 pontos.

Já o Botafogo, que teve início arrasador frente ao Vasco e empate no Nordeste ante Santa Cruz nos primeiros jogos sob o comando do técnico Cuca, sofreu um baque na quarta após fracasso para o Figueirense, no Maracanã. Como em anos anteriores, o time voltou a conviver entres os times ameaçados pelo rebaixamento.