Botafogo vence Treze por 1 a 0 e vai jogar por empate para ser campeão - WSCOM

menu

Mais Esporte

16/03/2006


Botafogo vence Treze por 1

O Botafogo confirmou a sua boa fase na reta final do primeiro turno do Campeonato Paraibano ao derrotar o Treze, nesta quarta-feira, no estádio Almeidão, em João Pessoa, pelo placar de 1×0. O único gol da partida foi marcado por Edivaldo, cobrando um pênalti aos 3 minutos do segundo tempo.

O Botafogo entrou em campo consceinte de que precisava vencer para acbar com a vantagem do adversário nesta decisão do primeiro turno, enquanto que o Treze foi mais cauteloso e marcou forte as ações do time botafoguense.

No decorrer da primeira etapa os dois times passaram a se estudar em campo e poucos lances de perigo foram criados, com os goleiros Gilberto e Azul sem muito trabalho nos primeiros 45 minutos, com o placar parcial mostrando 0x0.

O resultado favorecia ao Treze e o Botafogo retornou para a segunda etapa com um perfil de arrasador e logo no primeiro minuto, depois de uma cobrança de escanteio o árbitro Genival Junior pegou uma falta fora do lance e marcou um penalti, que foi convertido com muita maestria por Edivaldo, aos 3 minutos.

Mesmo na vantagem o Botafogo continuou no ataque. Aos 15 minutos Senegal foi expulso e proporcionou mais espaço para o Treze jogar, mas o time botafoguense mostrou muita determinação e continuou mandando nas ações do jogo, para o delirio da torcida que foi ao Almeidão.

Aos 35 minutos Raminho foi expulso pelo Treze e deu mais folga ao Botafogo, que continuou no ataque e criou várias situações, mas esbarrou na bela apresentação do goleiro Azul que praticou grandes defesas.

Nesse clima o Botafogo passou a administrar o resultado e saiu de campo com a vitória de 1×0, para a festa da grande torcida que lotou o Almeidão.

Botafogo
Gilberto, Edson, Rogério, Leandro e Edílson (Alexandre); Magrão, Senegal, Geraldo (Dé) e Gaibu (Neto); Edivaldo e Adriano. Técnico – Freitas Nascimento

Treze
Azul, Dinho, Kiko, Alisson e Márcio Cardoso (Augusto); Raminho, Aiton (Anderson), Maurício e Gil Baiano (Alan); Beto e Téo. Técnico – Maurício Simões

Notícias relacionadas