Blog de WS questiona e discute novo papel do centenário A UNIÃO na era digital - WSCOM

menu

Paraíba

17/02/2019


Blog de WS questiona e discute novo papel do centenário A UNIÃO na era digital

Em publicação no seu Blog, o jornalista analisa o papel de um dos jornais mais importantes da história paraibana.

Imagem reprodução/Painel na entrada do prédio sede do jornal

O blog do publisher Walter Santos traz, neste domingo (17), uma análise sobre o papel de um dos jornais mais importantes da história paraibana.

 

Segundo WS, o jornal centenário A UNIÃO teve a sua história preservada, mesmo diante do surgimento da Empresa Paraibana de Comunicação (EPC), essa, criada na recente gestão do governador João Azevêdo com o intuito de modernizar a comunicação no Estado cumprindo o seu papel na era digital.

 
Confira na íntegra a publicação:

 

Afinal, para que serve o Centenário Jornal A UNIÃO nesta fase digital mantendo sua força Memorial?

Não sei quando, mas sei onde – na Empresa Paraibana de Comunicação – qualquer dia desses entra em pauta a discussão e encaminhamento sobre o papel, missão e estrutura do Jornal A UNIÃO no contexto da base de comunicado do Governo diante da nova fase digital triturando a tudo que é fruto da fase tradicional superada.

 

Seja qual for o destino, será difícil entender A UNIÃO sem sua importância conjuntural de ser a versão oficial do Governo no jornalismo político e cultural de décadas. Mas do que editora a imprimir os atos de Governo no Diário Oficial, o jornal cumpre um papel sem igual: inexiste similar no mercado.

 

PAPEL E BASE ESTRUTURAL
A direção qualificada da EPC pode por em pauta várias condicionantes e propostas para a A UNIÃO, mas excluir seu papel de porta-voz jornalístico lhe impõe sacrifícios inadmissíveis se exclui-lo dessa missão.

A questão passa, não pelo modelo de conteúdo, mas pelo formato posto que o mundo digital abocanhou a nova onda. A UNIÃO pode se modernizar por esse caminho, não sendo mero boletim de Governo, mas um veículo rejuvenescido com pautas além do Governo, embora a serviço dele.

 

EDITORA POSSÍVEL
A direção da editora joga de forma sábia ao ir ao mercado disputar com as grandes gráficas o que ainda existe de necessidade de impressão e produção gráfica. É uma tática compatível.

 

DECISÃO POLITICA
A UNIÃO dentro da conjuntura comparativa internacional é uma PRAVDA atualizado (jornal russo) ou Granma (em Cuba) tupiniquim com expressão histórica a exigir do governador João Azevêdo a decisão de modernizar ou fechar o ciclo do Jornal.

 

A primeira versão nos novos moldes de mercado se apresenta com melhor aplicabilidade do que selar o fim de uma história.

 

+ LEIA TAMBÉM: CONFIRA ESSA E OUTRAS PUBLICAÇÕES DO BLOG DE WALTER SANTOS