Ataque deixa pelo menos 25 mortos em cidade perto de Bagdá - WSCOM

menu

Internacional

03/03/2006


Ataque deixa pelo menos 25

BAGDÁ (Reuters) – Dezenas de insurgentes, possivelmente sunitas, atacaram uma pequena cidade perto de Bagdá no anoitecer de quinta-feira e mataram pelo menos 25 pessoas, disseram nesta sexta-feira policiais e um político local.

Bagdá proíbe tráfego de veículos nesta sexta

A polícia recolheu 21 corpos, a maioria de trabalhadores migrantes xiitas, de uma fábrica de tijolos em Nahrawan, informou à Reuters o líder do conselho municipal, Alaa Abdul Sahab Al Lamy.

Outros quatro foram retirados de uma usina elétrica local.

Foi um dos incidentes mais sangrentos depois de 10 dias de violência entre grupos religiosos do país, seguindo-se a um ataque contra um templo xiita em 22 de fevereiro.

Na semana passada, 47 pessoas foram mortas perto de Nahrawan, após participarem de uma manifestação que, segundo a polícia, pedia a união de muçulmanos.

Fontes da polícia e do Ministério do Interior em Bagdá disseram que não podiam confirmar o número exato de mortos, mas afirmaram que nove guardas da usina foram mortos junto com “muitos” operários.

“Foi um ataque sectário”, disse Lamy, acrescentando que a polícia teme encontrar mais corpos na olaria.

“Entendemos que há corpos por toda a parte ao redor da fábrica, nos campos”, declarou uma autoridade do Ministério do Interior em Bagdá. “A polícia não pôde retirar todos, porque teme ir sem mais proteção militar.”

Segundo fontes da polícia, mais de 50 homens, que seriam insurgentes sunitas aliados da Al Qaeda e com base na Província de Diyala, entraram na cidade entre 17h e 18h.

(Com reportagem de Faris al-Mehdawi, Alastair Macdonald, Waleed Ibrahim, Mariam Karouny e Mussab Al-Khairalla)

Notícias relacionadas