ASSISTA: Sobe para 34 feridos por agulhas; WS diz que é inadmissível e pede providências da Segurança Pública - WSCOM

menu

Paraíba

15/06/2018


ASSISTA: Sobe para 34 feridos por agulhas; WS diz que é inadmissível e pede providências da Segurança Pública

As vítimas foram atendidas no Hospital de Trauma de Campina Grande entre a sexta-feira (8) e esta sexta-feira (15)

Subiu para 34 o número de pessoas que relataram ferimentos por agulhadas durante o São João de Campina Grande.  Nesta sexta-feira (15), o jornalista Walter Santos publicou um vídeo e afirmou que é caso é inadmissível e cobrou mais empenho da Segurança Pública.

“Neste tempo de tanta intolerância e de tanta violência se multiplicando, é inadmissível que tenhamos que conviver com esses retrocessos. É inaceitável porque precisamos de convivências mais civilizadas e decentes. A Polícia está agindo e precisa ir a fundo para estancar essa maldade”, afirmou Walter.

As vítimas foram atendidas no Hospital de Trauma de Campina Grande entre a sexta-feira (8) e esta sexta-feira (15). Não se sabe se as agulhas estavam contaminadas, mas, seguindo o protocolo para casos do tipo, os pacientes receberam medicação para evitar infecção pelo vírus HIV e hepatite B.

Notícias relacionadas