Assembleia para definir eleições na API registra saída da Oposição depois de manobra no Estatuto - WSCOM

menu

Paraíba

19/05/2018


Assembleia para definir eleições na API registra saída da Oposição depois de manobra no Estatuto

O presidente colocou a questão em exame e por 62 votos a 44 a votação aprovou o regimento apresentado

Foto: autor desconhecido.

A Assembléia Geral para a definição das regras eleitorais na Associação Paraibana de Imprensa acabou registrando neste sábado a retirada da Oposição da reunião depois que o ex-presidente Rubens Nóbrega questionou a condução pelo atual presidente João Pinto com base em itens do Estatuto que ainda não tem registro definitivo em Cartório, inclusive no item que trata do prazo para a eleição e de quem tem direito a voto.

O problema começou no inicio da assembleia em face do associado Land Seixas, também presidente do Sindicato dos Jornalistas, questionar qual o Estatuto que a presidência da API se pautava para convocar as eleições porque, com base no que há registrado em Cartório, o prazo da convocação estava irregular.

O presidente colocou a questão em exame e por 62 votos a 44 a votação aprovou o acatamento do regimento apresentado na Assembleia tendo como referência outro estatuto ainda sem registro definitivo em Cartório. Na fase seguinte, quando da discussão dos Destaques, a Oposição não participou mais da assembléia.

Na discussão e votação de Destaques, Rubens Nóbrega defendeu que fosse incluido o termo “aprovado com base no estatuto vigor”, em face da duplicidade de estatutos mencionados na Assembleia e ainda contestou a condução do trabalhos por “estar querendo mexer ilegalmente no estatuto” – situação que gerou enfrentamentos e a decisão da Oposição de se retirar da Assembleia.

Notícias relacionadas