Árbitro relata tentativa de agressão e Atlético-MG pode ser punido - WSCOM

menu

Futebol

08/04/2011


Árbitro relata tentativa de agressão

Atlético-MG

Foto: autor desconhecido.

O prejuízo do Atlético-MG com a eliminação da Copa do Brasil pode ser ainda maior. Isso porque, o árbitro da partida contra o Grêmio-SP, Pathrice Wallace Correa Maia relatou na súmula do jogo que membros da comissão técnica e da diretoria do Galo tentaram intimidar o trio de arbitragem, e só não conseguiram por causa da intervenção da Polícia Militar.

– Ao término da partida, quando nos dirigíamos ao vestiário da arbitragem, vários dirigentes do Clube Atlético Mineiro, os quais só pude identificar o presidente Alexandre Kalil, o supervisor Carlos Alberto Isidoro e o diretor de futebol, Eduardo Maluf. Pude identificar ainda o técnico Dorival Silvestre Júnior e o massagista da referida equipe, senhor Belmiro de Oliveira, que juntamente com os dirigentes já citados acima, partiram em direção ao trio da arbitragem com clara intenção de nos agredir.

Ainda no documento oficial do jogo, o árbitro escreveu que as condições do campo da Arena do Jacaré são muito boas, porém relatou que o vestiário da arbitragem fica muito próximo ao do time mandante, o que, segundo ele, gera problemas como os que ocorreram na noite da última quarta-feira (6).

Diante do que foi relatado é provável que o STDJ (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) ofereça denúncia contra o Atlético-MG, que pode ser punido. A pena pode ser de multa ou de perda de mando de campo, que neste caso terá que ser cumprido no Campeonato Brasileiro, que começa em maio.
 

Notícias relacionadas