Abilio Diniz é indiciado por estelionato e organização criminosa - WSCOM

menu

Política

15/10/2018


Abilio Diniz é indiciado por estelionato e organização criminosa

Foto: Ueslei Marcelino

Em matéria assinada por Julia Affonso, Fausto Macedo e Ricardo Brandt, publicada na tarde desta segunda-feira (15), no site do Estado de São Paulo, o empresário Abilio Diniz foi indiciado pela Polícia Federal por estelionato, organização criminosa e falsidade ideológica, juntamente com outros 42 investigados, na Operação Trapaça, desdobramento da Carne Fraca deflagrada em março de 2018.

Segundo a reportagem, “no relatório de 405 páginas o delegado Mauricio Moscardi, da Polícia Federal em Curitiba, afirma que, a partir da análise de conversas por mensagens de e-mails e Whatsapp, ‘concluiu-se que a prática das condutas delitivas não se restringia ao círculo das equipes técnica e gerencial das fábricas da BRF'”.

Segundo o delegado, “há, de fato, a participação do corpo diretivo da empresa na trama investigada, o qual tinha ciência de seu modus operandi, e que, não somente se omitiu em relação a fazer cessá-lo, mas, também, participou comissivamente dos atos de ocultação das fraudes, norteando sua execução”.

Brasil 247

Notícias relacionadas