Abbas adia eleições palestinas para janeiro de 2006 - WSCOM

menu

Internacional

09/08/2005


Abbas adia eleições palestinas para

O líder palestino, Mahmoud Abbas, anunciou que as eleições parlamentares que haviam sido marcadas para julho serão realizadas em janeiro de 2006.

Sem dar uma data precisa, Abbas afirmou apenas que o adiamento foi feito para atender à demanda dos militantes por uma nova lei eleitoral.

O grupo militante Hamas criticou a mudança na data do pleito.

Na avaliação de analistas políticos, o grupo obteria bons resultados nessas eleições.

Comemoração

Abbas pediu também aos palestinos que contribuam para a saída pacífica dos colonos judeus da Faixa de Gaza, prevista para os próximos dias.

Ele fez um apelo aos militantes para que não violem a trégua com os israelenses disparando mísseis contra os soldados do Exército de Israel – a quebra do cessar-fogo, segundo o líder palestino, deve ser uma decisão coletiva.

Outro pedido foi para que os palestinos não comemorem a retirada dos assentamentos judeus com tiros para o ar.

O início da operação de retirada de 21 assentamentos da Faixa de Gaza e quatro da Cisjordânia está previsto para o dia 15 de agosto e deve durar entre três e quatro semanas.

O governo israelense vem oferecendo até US$ 300 mil (cerca de R$ 693 mil) em indenização às famílias que aceitarem deixar suas casas nos territórios ocupados voluntariamente.

Israel ocupa a Faixa de Gaza e a Cisjordânia desde que conquistou os territórios militarmente na Guerra dos Seis Dias, em 1967.

Cerca de 400 mil israelenses foram assentados nesses territórios, em meio a uma população palestina de 3,5 milhões de habitantes.

Notícias relacionadas