menu

Política

06/02/2013


Maranhão "ameaça" voltar em 2014

"tenho condições"

O ex-governador, José Maranhão presidente estadual do PMDB, em entrevista ao Tambaú Debate Tambaú FM e TV Tambaú, praticamente sacramentou seu retorno a vida pública em 2014. Maranhão deixou claro que não pretende deixar a vida política e afirmou que essa decisão caberá ao eleitorado do Estado.

“Ainda é muito cedo. Eu não tenho bola de cristal para dizer isso (retorno em 2014). Tenho vitalidade, saúde e discernimento. Não vejo motivo para não continuar. Quem poderá dizer se devo ou não permanecer na política é o povo”, declarou.

O ex-governador também comentou as declarações recentes do ex-senador Wilson Santiago, que vem se queixando de ter sido escanteado pelo partido nas discussões sobre o quadro político de 2014. Maranhão lembrou que Santiago é seu amigo pessoal, mas não hesitou em classificar como injustas as declarações de ex-senador.

“Não li as declarações de Santiago mas tenho ouvido falar muito sobre elas. Se ele realmente disse isso, está sendo injusto porque o PMDB deu tudo a Santiago. Mandatos de deputado estadual e federal e até mesmo de senador quando o lógico seria que eu, enquanto candidato ao Governo do Estado, dispusesse da vaga do Senado para um outro partido que quisesse fechar a aliança. Eu não fiz isso e saí com chapa peemedebista para dar a Santiago a oportunidade de disputar o Senado, que ele exerceu por dois anos. Como disse, é muito cedo para definir o quadro de 2014. Isso só será feito depois e com muito diálogo”.