João Gonçalves cita crise entre aliados e diz que governador mantém entendimentos frequentes com a base

Na imagem, o secretário de Articulação Política, João Gonçalves

O secretário de Estado da Articulação Política, João Gonçalves, durante solenidade que autorizou a realização do concurso público com 400 vagas para agentes socioeducativos da Fundação Desenvolvimento da Criança e do Adolescente (Fundac), nesta segunda-feira (20), no Palácio da Redenção, minimizou a crise entre os parlamentares do PSB, a exemplo de Cida Ramos, com o secretário Chefe de Estado do Governo, Nonato Bandeira.

 

Segundo Gonçalves, não há fogo na base como tem se especulado, justificando a alta demanda dos parlamentares como o motivo dos ‘conflitos’. O secretário tratou com normalidade a situação, afirmando que é preciso analisar o tempo de governo antes de falar sobre ‘crise’.

 

“O governador João tem quantos meses de governo? Quatro meses gente, tá no quinto mês. Ninguém consegue fazer gestão, investir mais de quinhentos milhões de reais em obras e na atividade política, todo mundo quer que se resolva tudo na mesma hora e no mesmo instante e extremamente impossível”, disse João Gonçalves.

 

Sobre o G10

Segundo o secretário de Estado da Articulação Política, o G10, grupo formado por parlamentares de linha independente e que fazem parte da bancada de governo, reafirmaram a postura de situação na ALPB tratando como ‘necessária’ a composição desse bloco.

 

“O parlamento, ele acima de tudo, tem a sua independência. Quando o parlamento entende e acha que a formação de um bloco para discutir a formação das Comissões é um fato natural, até porque ninguém deixou a base do governo e o governador João que tem uma agenda positiva. O importante é que o governo tenha uma bancada consolidada, que tem coro absoluto, tem a maioria absoluta da Assembleia. Os blocos sempre irão existir, todos os mandatos que eu passei tiveram blocos e nunca deixou de ter a bancada”, afirmou o secretário.

 

Sobre a reunião do parlamentares do PSB com o governador

O secretário de Articulação Política tratou de despistar sobre a reunião, negando que a mesma exista. Segundo João Gonçalves, o governador já tem se reunido periodicamente com todos os parlamentares, seja no Palácio da Redenção, ou até mesmo fora dele.

 

“Não confirmo a reunião, até porque não tive nenhuma discussão. O governador João tem se reunido todos os dias com os deputados. Ele [João] no intervalo do próprio trabalho transforma em reunião, em unir, conversar e discutir as questões propositivas da Paraíba. Em nível de Assembleia, o governador está focado em transformar o Estado em um canteiro de obras”, afirmou o secretário de Articulação Politica.

 

LEIA MAIS: Governador confirma reunião com a bancada do PSB na tarde desta segunda (20)