menu

Política

19/06/2019


Gervásio Maia e deputados do PSB protocolam pedido de exoneração de Moro

Parlamentares do PSB protocolaram nesta quarta-feira (19) um pedido para que o presidente Jair Bolsonaro exonere imediatamente o ministro da justiça Sérgio Moro.  

Os deputados Gervásio Maia (PB), Marcelo Nilo (BA), Bira do Pindaré (MA) e  Lídice da Mata (BA), todos do PSB, alegam que Moro cometeu grave desvio ético e legal, não reunindo mais as condições ético-jurídicas para  o exercício do cargo, e por isso indicam que a Câmara se posicione no sentido de exigir a demissão.  

Conversas reveladas pelo Intercept

Para eles, as conversas publicadas pelo site The Intercept Brasil, demostram que Moro agiu politicamente para prejudicar o então candidato a presidente, Lula (PT).  

“A gravidade das denuncias pede que o presidente aja urgentemente na exoneração”, asseverou o deputado Gervásio Maia, em entrevista ao Brasil 247.  

“O Ministério da Justiça possui uma relevância histórica sem precedentes.  Foi o primeiro Ministério a ser criado, em 03 de julho de 1822, pelo príncipe regente D. Pedro. Exige, na sua condução, dirigente que tenha honradez e reputação ilibadas e acima de qualquer suspeita”, escreveram os parlamentares.

Brasil 247