menu

Futebol

03/01/2013


Vice nega Jorge Henrique e Conca

Flamengo

A reapresentação dos jogadores e da comissão técnica do Flamengo, na manhã desta quinta-feira no Ninho do Urubu, foi intensa. Todos os atletas fizeram exames médicos e físicos no CT, inclusive o lateral-direito Leo Moura, que renovou contrato com o time por mais uma temporada. Mas a grande questão no clube é os reforços e o vice de futebol, Wallim Vasconcellos, já deixou claro que nenhum grande nome vai vir para o Campeonato Carioca.

O dirigente negou que o clube esteja negociando com o atacante Jorge Henrique e com o meia Conca. Também vetou as vindas de Nenê, do PSG, e do chileno Vargas, da Napoli, por causa dos altos valores. Mas ele não descartou um grande reforço para o Campeonato Brasileiro.

– Planejamos até quatro reforços, mas nenhum será nome de peso como Robinho e Kaká. O Flamengo não participa de leilão. A gente tem que mudar essa postura de subir valor por conta da procura de outros clubes – disse.

Sobre a questão dos salários atrasados, Wallim conversou com os jogadores e explicou que vai resolver isso o quanto antes. Ele aproveitou para garantir que nunca mais o clube vai passar por isso.

– Prometi que assim que for resolvido esse problema das penhoras, nunca mais será problema para o Flamengo esse negócio de salário atrasado. Se não vivo isso na minha empresa, no Flamengo não será diferente – falou o dirigente.