Empresário é morto a tiros em viagem para o Réveillon

0
1
Empresário Dalmo Júnior, de 54 anos, foi morto a tiros em Itaboraí (RJ) — Foto: Reprodução/Facebook

Um empresário de Belo Horizonte foi morto por criminosos quando ia passar a festa de Ano Novo com a família no litoral do Rio de Janeiro. Ele foi executado a tiros na última sexta-feira (28) na BR-493, em Itaboraí, na Região Metropolitana da capital fluminense.

Dalmo Júnior, de 54 anos, ia com a mãe e um enfermeiro para a Praia de Palmas, em Ilha Grande, quando se deparou com uma barreira feita por criminosos no km 3. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal do Rio de Janeiro, a hipótese mais provável é que ele tenha tentado fugir do assalto quando foi morto.

Segundo uma amiga da família, o enfermeiro que estava no carro contou que o carro foi cercado pelos criminosos. O vidro estava fechado. O enfermeiro ainda teria dito que o atirador seria um adolescente.

A PRF não confirmou detalhes da ocorrência. A Polícia Civil foi chamada ao local para fazer a perícia e começar a investigação. Nem a mãe e nem o enfermeiro ficaram feridos.

O corpo do empresário foi encaminhado para Belo Horizonte e foi enterrado às 15h deste domingo (30), no Cemitério do Bonfim, na capital mineira.

No perfil de Dalmo Júnior no Facebook, muitos amigos manifestaram pesar pela morte do empresário.

Dalmo Júnior era solteiro, morava com a mãe e um irmão em Belo Horizonte. O empresário era tenente reformado do Exército Brasileiro e era torcedor do Atlético-MG.

A Check Up Clínica Médica divulgou uma nota de pesar pela morte de Júnior, que era um dos três sócios da empresa, que tem sede em Contagem e uma filial em Betim.

G1