Em reencontro com o Fluminense, Cruzeiro tenta superar má fase

0
2
© Reuters

Em um reencontro com o Fluminense, o Cruzeiro tenta neste sábado iniciar sua recuperação no Campeonato Brasileiro, após oscilar nas últimas semanas. Na metade inferior da tabela, a equipe comandada pelo técnico Mano Menezes terá uma segunda chance contra o rival carioca, às 18 horas, no mesmo Maracanã onde empatou por 1 a 1 na quarta-feira passada, pela Copa do Brasil.

 

Naquele jogo, o duelo de ida das oitavas de final, o Cruzeiro deixou a desejar. Foi dominado e conseguiu o seu gol em uma das raras investidas no ataque. “Temos que dar uma resposta melhor no Mineirão para conquistarmos nossa vaga nas quartas de final”, reconheceu o treinador.

 

O duelo deste sábado, porém, é quase um ensaio para o segundo jogo da Copa do Brasil, marcado para 5 de junho, no Mineirão. “Para esse segundo jogo a gente já conhece o modo que eles atuam, característica de jogo”, afirmou o atacante Pedro Rocha, que deve ser titular mais uma vez.

 

Autor dos últimos dois gols do Cruzeiro no Maracanã, contra o Flamengo e Fluminense, ele deve formar dupla com Fred, sem maiores mudanças no setor ofensivo. O meia Marquinhos Gabriel e o atacante Raniel voltaram a treinar na sexta-feira, recuperado de lesões. Mas ainda não têm condições de serem titulares. O meia Thiago Neves também deve ser desfalque, por suspeita de dengue.

 

Na defesa, a baixa certa é a do lateral-direito Edílson, que vai cumprir suspensão automática após ser expulso na rodada anterior. Orejuela será o seu substituto. No meio-campo, a dúvida é entre Romero e Lucas Silva.

 

Em momento difícil na temporada, após o título do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro vem de tropeços na Copa Libertadores, na Copa do Brasil e no Brasileirão. Com duas vitórias em quatro jogos na Série A, a equipe ocupa somente a 11ª posição, com seis pontos. O Flu é o 15º, com apenas três.

 

 

 

Com informações Estadão
Portal WSCOM