Corinthians segura vitória sobre Capital-TO em estreia na Copa SP

0
1
@DR

O Corinthians estreou com vitória na 50ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, nesta quarta-feira (2), quando bateu o Capital-TO por 3 a 2. No estádio Novelli Júnior, em Itu-SP, Roni e Fabrício Oya (2) construíram ótima vantagem para o Alvinegro, mas o time tocantinense assustou na reta final ao diminuir com Jorge e Túlio.

O resultado deixa o Corinthians na segunda posição do grupo 17, atrás do Ituano devido ao saldo de gols. Os próximos compromissos do Alvinegro na Copinha serão no sábado (5) e na terça-feira (8), respectivamente contra Sinop-MT e Ituano, ambos às 21h30 (de Brasília). Os dois melhores colocados de cada chave avançam para a fase seguinte na competição.

 

A estreia do Corinthians teve pouco nervosismo, apesar de um susto aos 13 minutos. Após erro do lateral Igor, o Capital-TO só não abriu o placar com Jorge porque o zagueiro Caetano salvou no último instante. Daí em diante o Alvinegro controlou o jogo e insistiu tanto que abriu três gols de vantagem antes mesmo do intervalo.

 

Roni foi quem abriu a contagem aos 30 minutos, aproveitando rebote da trave após arremate de João Celeri. No lance seguinte, Fessin avançou pela esquerda e cruzou para Fabrício Oya dominar sozinho na área e ampliar. A dupla voltou a combinar aos 42, quando Fessin cobrou escanteio em jogada ensaiada e Oya chegou batendo para fazer o terceiro.

 

O time tocantinense parecia entregue, e o Corinthians teve tudo para tomar conta da partida na etapa final. Mas uma falha do goleiro Diego deu esperanças ao adversário: aos nove minutos, o corintiano soltou um rebote nos pés de Jorge e viu o Capital-TO diminuir o placar.

 

O gol não mudou a partida imediatamente, mas o Corinthians seguiu em baixo ritmo, meio descompromissado em campo. O decacampeão da Copinha tentou manter o jogo morno e forçou pouco, ainda menos após as seis substituições. Mas outro lance fortuito deixou a vitória corintiana em xeque: aos 37, um erro corintiano na bola aérea deixou Túlio diminuir para 3 a 2.

 

Nathan teve ótima chance de fazer o quarto gol corintiano e resolver a parada, mas isolou. O Corinthians chegou a pressionar de forma atabalhoada, com cruzamentos seguidos, mas não conseguiu intimidar o Capital-TO, e o jogo teve certa emoção até o final.

 

Com informações da Folhapress