Início Esporte Clayton marca duas vezes e Botafogo-PB goleia a Perilima na estreia do...

Clayton marca duas vezes e Botafogo-PB goleia a Perilima na estreia do Campeonato Paraibano

0
4
Foto: Nádya Araújo/ Botafogo-PB

Na tarde de sábado (12), Botafogo-PB e Perilima fizeram a abertura do Campeonato Paraibano de 2019 no estádio Almeidão, em João Pessoa. Atual campeão, o Belo até tomou um susto no primeiro tempo, mas fez valer a superioridade na segunda etapa e goleou a Águia de Campina por 4 a 1. O destaque foi o meia Clayton, que marcou os dois primeiros gols.

Já no primeiro minuto Nando sofreu falta na direita. Fábio Alves cobrou com violência, de pé esquerdo, e a bola passou raspando a trave direita de Pantera, mas morreu na linha de fundo.

E antes dos dez minutos saiu o primeiro gol do estadual. Marcos Aurélio caiu pela direita e tocou para Nando, que fez o corta-luz para Clayton. A defesa da Perilima parecia que iria cortar, mas se enrolou toda, e a bola sobrou livre para o camisa 7 do Belo bater de perna esquerda, quase da marca do pênalti, no canto direito de Pantera, para abrir o placar no Almeidão.

Não demorou muito e quase que o Botafogo-PB amplia. Aos 22 minutos Clayton lançou, o lateral Anderson, da Perilima, deixou a bola passar, e Marcos Aurélio aproveitou a bobeira para chutar de direita, mandando a bola com muito perigo, passando a direita do goleiro Pantera.

A Perilima só chegou um pouco próximo da meta de Saulo aos 33 minutos, quando Marcelinho Paraíba encontrou seu irmão Tibério na entrada da área. O atacante chutou e mandou sem muita força, e não levou perigo.

Três minutos depois, a Água de Campina chegou de vez e empatou o jogo. Marcelinho Paraíba trabalhou com Manú, recebeu na esquerda e cruzou para Tibério, que só escorou de direita para mandar a bola para o fundo do gol.

Os donos da casa tentaram reagir aos 39 minutos, quando Marcos Aurélio recebeu na entrada da área e soltou a bomba de pé direito, mas Pantera caiu no seu canto direito e fez a defesa em dois tempos.

Antes do intervalo, mais uma grande chance do camisa 10 do Botafogo-PB. Aos 44, Marcos Aurélio cobrou falta da meia esquerda no canto esquerdo do arqueiro rival, que se esticou todo e resvalou de mão direita e mandou pela linha de fundo.

Segundo tempo

Diferente do primeiro tempo, o segundo voltou mais equilibrado. Mesmo com a entrada de Marcos Vinicius na entrada de Carlão, deixando o meio campo mais ofensivo, o Botafogo-PB não conseguia encurralar a Perilima, que se portava bem na defesa.

E em um lance ofensivo do time de Campina Grande, o Belo voltou a comandar o marcador. Aos 9 minutos, Marcelinho Paraíba cobrou escanteio da direita e quase marcou olímpico, mas Saulo defendeu. O arqueiro botafoguense acionou Marcos Aurélio no contra-ataque, e o camisa 10 enfiou para Clayton, que ganhou do marcador na corrida e tocou no canto direito, na saída de Pantera, para marcar seu segundo gol na partida.

No que talvez tenha sido o ponto forte do Botafogo-PB ano passado, a bola parada, veio mais um. Aos 20, Marcos Aurélio cobrou escanteio pela direita na cabeça de Nando, que subiu livre e escorou para marcar o terceiro do Belo.

O quarto gol botafoguense quase saiu aos 33 minutos. A bola sobrou na entrada da área para Rafael Ibiapino, que tocou com categoria no canto direito, mas a redonda explodiu na junção da trave e do travessão. Na sequência, Dico invadiu a área pela esquerda e chutou de canhota, mas Pantera fez a defesa.

A pressão deu resultado, e um minuto depois saiu o gol. Dico fez jogada pela esquerda e cruzou para Rafael Ibiapino, que dividiu com a defesa e a bola cruzou a linha.

O Botafogo-PB volta a campo pelo estadual no próximo domingo (20), quando vai até Patos enfrentar o Esporte, às 16h. Antes, na terça (15), recebe, no Almeidão, o Santa Cruz-PE pela Copa do Nordeste às 21h30. Já a Perilima vai duelar com o Sousa, no sábado (19), no Amigão.

Ficha técnica

Botafogo-PB 4 x 1 Perilima
Campeonato Paraibano de 2019 (1ª rodada)
Estádio: Almeidão (João Pessoa)

Arbitragem: Michael Vinicius de Freitas (CBF-SE); Schumacher Marques (PB) e Paulo Ricardo (PB)

Cartões amarelos: Carlão, Rhuan – reserva, Nando (B) ; Tibério, Nonato, Tiago Bob, Arlan, Marcelinho Paraíba (P)

Gols: Clayton (2x), Nando, Rafael Ibiapino (B); Tibério (P)

Botafogo-PB: Saulo, Roniery, Willian Goiano, Lula, Fábio Alves; Carlão (Marcos Vinicius), Rogério, Clayton (Rafael Ibiapino), Marcos Aurélio; Adalgiso Pitbull (Dico) e Nando. Técnico: Evaristo Piza.

Perilima: Pantera, Anderson, Arlan, Tiago Bob, Matheus Camargo; Nonato, Renatinho, Marcelinho Paraíba; Tibério, Cesinha e Manú. Técnico: Ricardo Campos.

Vozdatorcida