menu

Cursos e Eventos

09/02/2013


Bica é opção para descanso no Carnaval

Em família

O Parque Zoobotânico Arruda Câmara, fundado em 24 de dezembro de 1922, é uma das principais opções de lazer e entretenimento do município de João Pessoa. A Bica, como é carinhosamente chamada pela população, é um ambiente ideal para a contemplação da natureza, com espécies da fauna e flora brasileira. Para quem não vai viajar e prefere aproveitar o feriado de Carnaval para descansar, o Parque é uma excelente dica. Localizado numa área central de João Pessoa, entre os bairros do Roger e Tambiá, a Bica ainda oferece a vantagem de estar perto da Lagoa do Parque Sólon de Lucena, por onde passam ônibus vindos de todos os pontos da cidade.

O zoológico conta com um plantel de 92 espécies e mais de 500 animais que são mantidos de acordo com normas do Ibama, em recintos bem projetados e adequados para o bem-estar dos mesmos. A vegetação é um resquício de Mata Atlântica onde podemos observar espécies raras como o jacarandá (Mimosaefolia), jequitibá (Cariniana estrellensis), oiticica (Licania rígida), Castanheira-do-maranhão (Pachira aquática) dentre outras.

O Parque possui ainda área de lazer com playground, quiosques, pedalinhos, quadriciclos e passeio de trenzinho para as crianças. O projeto de requalificação da Bica disponibiliza equipamentos modernos, proporcionando interação entre público visitante e os animais. Também é permitido passear dentro do recinto das aves e contemplar de perto as belezas naturais das espécies preservadas

Educação ambiental – O espaço da Oca é destinado às ações de Educação Ambiental, onde os visitantes têm acesso à exibição de um vídeo sobre as normas de conduta dentro do Parque. Na área da Bica ainda funciona o Centro de Estudos e Práticas Ambientais – Cepam, onde são executadas atividades holísticas, como as Práticas Integrativas Complementares de Saúde (massagem e auricoloterapia) e ações de sustentabilidade. No local são promovidas oficinas, além do funcionamento do Museu de História Natural, onde estão expostas muitas espécies de animais taxidermizados (técnica de preservação da forma da pele-empalhamento).

Entre os diversos recintos, A Casa dos Répteis abriga diversas espécies de serpentes e lagartos, expostos com segurança, permitindo que os visitantes tenham conhecimento da fauna e compreendam sua importância em cada ecossistema. Ainda no perímetro do Parque fica a Oficina Escola, responsável pela formação de profissionais nas áreas de jardinagem e restauração do Patrimônio Histórico e o Horto Municipal, uma área que tem contribuído de forma fundamental para preservação do verde na capital, com produção de mudas ornamentais utilizadas em praças e logradouros da cidade.

A Bica funciona de terça a domingo, das 8h às 17h. Na segunda-feira é fechada para o público, funcionando apenas com expediente interno. Durante o Carnaval o Parque abrirá normalmente.