Notícias

Palhaço Pirulito é encontrado morto dentro de casa com a letra "A" riscada no pe

Corpo do Palhaço foi encontrado no apartamento apresentando perfurações a faca

É um completo mistério o assassinato do ator e professor de Educação Física José Ismar Eugênio Pompeu, de 42 anos. Ele foi encontrado morto dentro de seu apartamento localizado em um edifício no bairro Pedro Gondim, em João Pessoa. O corpo do ator apresentava várias perfurações quando foi encontrado na noite de domingo, 27. O que vem chamando a atenção da polícia foi que no corpo de Ismar Eugênio estava escrita a letra “A” feita com uma arma branca.

A delegada Júlia Valeska esteve no local juntamente com a perícia e depois determinou a remoção para a Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal – GEMOL, no bairro do Cristo Redentor.

Segundo informações da polícia, o companheiro do professor, de nome preservado, revelou que Ismar havia marcado com ele um encontro para às 15h. Mas como ele não apareceu resolveu telefonar, mas o celular não atendia e então foi até o prédio onde morava a vítima. Chamou a síndica e quando abriu a porta encontrou o ator morto.

A polícia foi acionada por volta das 20h. Quando o apartamento foi aberto o corpo do ator e professor estava caído no quarto do apartamento trajando pijama. O Samu ainda foi acionado.

Na perícia realizada ficou constatado que Ismar pode ter sido morto durante a madrugada do domingo, devido a rigidez cadavérica.

Natural de Pernambuco, Ismar Eugênio era bastante conhecido em João Pessoa. Ele já havia participado da Paixão de Cristo em João Pessoa e realizada trabalho como o Palhaço Pirulito. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios da Capital.


notícias relacionadas