Notícias

Filme sobre Clara Nunes abre Fest-Aruanda

São mais de 40 filmes, entre longas, médias e curtas metragens, a maior parte ainda inéditos nos cinemas paraibanos

Créditos: Iolanda Husak

 O Festival Aruanda do Audiovisual Brasileiro chega à sua 12ª edição trazendo uma verdadeira maratona cinematográfica para os amantes da sétima arte. São mais de 40 filmes, entre longas, médias e curtas metragens, a maior parte ainda inéditos nos cinemas paraibanos.

 Um das principais atrações será a presença do cineasta Ruy Guerra, grande homenageado do festival este ano, que além de receber o Troféu Aruanda pelo Conjunto da Obra, irá participar do festival com a mostra 5X Ruy Guerra, que exibirá cinco de seus filmes, e com uma oficina denominada “Conceitos para um olhar”. A cantora Elba Ramalho será uma participará da exibição do filme A Ópera do Malandro, dirigido pelo diretor, no qual atuou em 1985.

 O longa-metragem “Clara Estrela”, sobre a cantora Clara Nunes, dos diretores Susanna Lira e Rodrigo Alzuguir, será exibido fora da competição, já na abertura do festival. Outro destaque é o longa-metragem Legalize Já!, de Johnny Araújo e Gustavo Bonafé, que conta a história da banda Planet Hemp.

 O festival terá pelo segundo ano a Mostra CGU contra a Corrupção, que premia vídeos de até um minuto voltados para a temática da corrupção e também exibirá documentário sobre os 70 anos da história da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP). A parceria com a Câmara deverá render ainda uma premiação especial para 2018, o Prêmio Sétima Arte, sugerido pelo organizador do festival Lúcio Vilar ao presidente da CMJP, Marcos Vinícius, que deverá ser votado ainda este mês pelo plenário da casa.

 Este ano, o festival reafirmou a parceria com a Cinépolis e volta a acontecer nas salas de cinema do Manaíra Shopping, com patrocínio master do Armazém Paraíba e da Energisa. Os já tradicionais debates serão realizados no hotel Sapucaia e uma novidade desta edição será a Clínica de Projetos, com o advogado Bruno Lago, do Distrito Federal. Ele estará disponível para atendimento gratuito, em grupo ou individual, para realizadores que precisem de orientação ou queiram tirar dúvidas sobre projetos culturais.


PROGRAMAÇÃO OFICIAL

12º FEST ARUANDA DO AUDIOVISUAL BRASILEIRO

Quinta, dia 8
Sala 9 - MACRO XE – CINÉPOLIS (Manaíra Shopping)
19H30 – Solenidade de Abertura Oficial
Tributo Ivan Lhebarov
Troféu Aruanda para Cinépolis
Homenagem ao ator paraibano Servílio Holanda
20h15 – Apresentação hors concours do Longa-Metragem: Clara Estrela (DOC, 2017, 1h12m) pelos diretores Susanna Lira e Rodrigo Alzuguir.

Sexta, dia 1º
Auditório do Nord Luxxor Hotel Sapucaia (Tambaú)
09h30 – Debate sobre o filme Clara Estrela.
Mesa: Susanna Lira e Rodrigo Alzuguir (diretores)
Moderadora: Maria do Rosário Caetano
10h30 - Diálogos Audiovisuais Aruanda-Energisa
Moderadora: Maria do Rosário Caetano

Cinépolis - Sala 6 (Manaíra Shopping)
15h00 – Sessão Especial: DOC Câmara, 70 Anos. Direção: Lúcio César
17h00– Abertura Mostra Retrospectiva 5X Ruy Guerra
Exibição do longa-metragem: Os Fuzis (FIC, 1963, 1h40).
19h –Abertura Mostra Sob o Céu Nordestino:
Exibição do Longa-Metragem: Lamparina da Aurora (FIC, 2017, 1h15m). Dir. Frederico Machado
20h30
Abertura Mostra Competitiva de Curta-Metragem:
"Sal" de Diego de Freitas - Ficção (São Paulo/SP) – 15’
“Tentei" de Laís Mello - Ficção (Curitiba/PR) – 14’16
_________________________
21h00 – Abertura Mostra Competitiva de Longa-Metragem:
- Antes do Fim (FIC, 2017, 1h25). Dir. Cristiano Burlan.
- Pela Janela (FIC, 2017, 1h27). Dir. Caroline Leone

Sábado, dia 02
Cinépolis - Sala 6 (Manaíra Shopping)
14h00 – Sessão Vespertina Curtas Universitários/UFPB
16h00 – Lançamento Literário no Hall do Cinema
16h00–Mostra Retrospectiva 5X Ruy Guerra
Exibição: A Queda (FIC, 1978, 1h46)
18h00 - Mostra Premiére Parahyba
Exibição do Longa-Metragem: O Que Será deste Mundo sem Paixão? (FIC, 2017, 1h12). Dir. Luiz Carlos Lacerda.
20h00 - Mostra Competitiva de Curta-Metragem
“Andante, Allegro e Vivace” de Anderlúcia Caldas - Documentário (Itaporanga/PB) – 20’
"A Rua das Casas Surdas" de Gabriel Mayer e Flávio Costa - Ficção (Porto Alegre/RS) – 8’
20h30 – Mostra Competitiva de Longa-Metragem:
Exibições:
- Callado (DOC, 2017, 1h15); Dir. Emília Silveira
- Açúcar (FIC, 2017, 1h28) Dir. Renata Pinheiro/Sérgio Oliveira.

Domingo, dia 03
Cinépolis - Sala 6 (Manaíra Shopping)
15h30 –Mostra Retrospectiva 5X Ruy Guerra
Exibição do longa-metragem: Os Cafajestes (FIC, 1962, 1h25)
18h00 - Mostra Premiére Parahyba
Solenidade de Homenagem ao Ator Paulo César Pereio.
Exibição do Longa-Metragem: 10 centavos para o número da besta (DOC, 2017, 82min) Dir. Guillermo Planel
20h00 – Mostra Competitiva Curta-Metragem
"Escolhas" de Ivann Willig - Ficção (Rio de Janeiro/RJ) – 20’
"O Brado Retumbante" de Fábio Rogério e Marcelo Ikeda - Documentário (Aracaju/SE) -19’
Mostra Competitiva Longa-Metragem
- Exibição: O Nó do Diabo, de Ian Abé e Ramon Porto (FIC, 2017, 2h05)

Segunda, dia 04
Auditório do Nord Luxxor Hotel Sapucaia (Tambaú)
09h30 – Diálogos Audiovisuais Aruanda/Energisa:
Debate sobre com os diretores dos filmes Antes do Fim/Pela Janela/O que seria deste mundo sem paixão?/ Açúcar/ Callado/10 centavos para o número da besta/ O Nó do Diabo.
Moderadora: Maria do Rosário Caetano

Cinépolis, Sala 6
15h30 – Mostra Retrospectiva 5X Ruy Guerra
Exibição do longa-metragem: Ópera do Malandro (FIC, 1986, 1h20)
19h00 – Mostra Competitiva Curta-Metragem
"Deus" de Vinicius Silva - Documentário (São Paulo/SP) – 19’
"Atrito" de Diego Lima - Ficção (João Pessoa/PB) – 18’
"Peleja do Sertão" de Fábio Miranda - Animação (Fortaleza/CE) – 14’
"Hosana nas Alturas" de Eduardo Varandas Araruna - Ficção (João Pessoa/PB) – 17’
"Abissal" de Arthur Leite - Documentário (Quixere/CE) – 17’
21h00 - Mostra Competitiva de Longa-Metragem
- Abaixo a Gravidade (FIC, 2017, 1h49). Dir. Edgard Navarro

Terça, dia 05:
Auditório Nord Luxxor Hotel Sapucaia (Tambaú)
09h30 – Diálogos Audiovisuais Aruanda/Energisa:
Debate com diretores dos Curtas-Metragens:
Moderador: Amilton Pinheiro
10h30 – Debate sobre os filmes: Abaixo a Gravidade e Ópera do Malandro.
Moderadora: Maria do Rosário Caetano

Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)
14h00 – Sessão Dia Mundial Contra a Corrupção,com chancela da CGU-Regional-PB em parceria com o Fest-Aruanda.
- Exibição de Vídeos (de um minuto) premiados e do curta-metragem:
16h30–Mostra Retrospectiva 5X Ruy Guerra
Exibição do longa-metragem: Estorvo (FIC, 2000, 95 min)
19h00 – Mostra Sob o Céu Nordestino
Solenidade de Homenagem ao Cineasta Paulo Caldas.
Exibição do Longa-Metragem: Saudade (DOC, 2017, 1h27). Dir. Paulo Caldas.
20h30 - Mostra Competitiva Curta-Metragem
"Inocentes" de Douglas Soares - Ficção (Rio de Janeiro/RJ) – 18’30
20h50- Mostra Competitiva Longa-Metragem:
- Legalize Já!, de Johnny Araújo e Gustavo Bonafé (FIC, 2017, 1h27)
-Torquato Neto - Todas as horas do fim, de Eduardo Ades e Marcus Fernando (DOC, 2017, 1h30)

Quarta, dia 06
Auditório Nord Luxxor Hotel Sapucaia (Tambaú)
Diálogos Audiovisuais Aruanda/Energisa:
Debate sobre com diretores e atores dos filmes: Saudade, LegalizeJá e Torquato – Todas as horas do fim.
Moderadora: Maria do Rosário Caetano

Cinépolis – Sala 6 (Manaíra Shopping)
16h00 – Mostra Retrospectiva 5X Ruy Guerra
- O Homem que matou John Wayne (DOC, 2017, 1h10). Dir. Diogo Oliveira.

Sala Macro XE (9)
20h00
- Solenidade de Homenagem ao Cineasta Ruy Guerra
- Exibição do Longa-Metragem: Quase Memória (FIC, 2016, 1h10) Dir. Ruy Guerra.
- Solenidade de Encerramento     

Da Redação com Assessoria


notícias relacionadas