Vigilância Sanitária interdita sorveteria na praia de Tambaú - WSCOM

menu

Paraíba

02/02/2018


Vigilância Sanitária fecha sorveteria

FISCALIZAÇÃO

A Gerência de Vigilância Sanitária (GVS) da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) interditou, na tarde dessa quinta-feira (1), uma sorveteria localizada na Feirinha de Tambaú por comercializar sorvetes e picolés estragados. A ação de fiscalização foi realizada após a GVS receber denúncias sobre o estabelecimento.

Durante a inspeção foram apreendidos mais de 400 kg de sorvetes e picolés com o prazo de validade expirado. O proprietário foi multado e o estabelecimento interditado, penalidades previstas na legislação vigente por colocar em risco a saúde e a vida da população.

“Para que um produto seja comercializado é necessário um nível de qualidade que elimine ou minimize a possibilidade de efeitos nocivos à saúde e são várias doenças e agravos que o consumidor pode contrair após o consumo de alimentos em condições impróprias”, explica a gerente da Vigilância Sanitária Municipal, Eliane Navarro.

Para retornar a funcionar, o proprietário do estabelecimento interditado deverá sanar as irregularidades encontradas.

Vigilância – A Gerência de Vigilância Sanitária (GVS) é responsável por ações que eliminem, diminuam ou previnam riscos à saúde e que intervenham em problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde.

As ações desenvolvidas pela Vigilância Sanitária são de caráter educativo (preventivo), normativo (regulamentador), fiscalizador e, em última instância, punitivo. São desenvolvidas nas esferas federal, estadual e municipal e ocorrem de forma hierarquizada.

Para informações ou denúncias, as pessoas podem entrar em contato com a Vigilância Sanitária através dos telefones 0800-281-4020 e 3214-7922.

Notícias relacionadas