Putin quer matar militantes no Iraque - WSCOM

menu

Internacional

28/06/2006


Putin quer matar militantes no

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou nesta quarta-feira que o serviço secreto do país “encontre e mate” os responsáveis pelo assassinato de quatro diplomatas russos, no Iraque. Putin também disse que “a Rússia agradecerá a todos os amigos que possam dar informações sobre os criminosos”.

Os funcionários da embaixada russa foram mortos depois que o comboio em que eles estavam foi interceptado por um grupo armado, no dia 3 de junho, a apenas 400 metros da sede da representação diplomática do país.

Um grupo terrorista ligado à Al-Qaeda, o Conselho Mujahideen Shura, assumiu os assassinatos no fim de semana e divulgou um vídeo na internet, no qual uma pessoa é decapitada e outra, morta a tiros.

O grupo exigia a retirada da Rússia da Chechênia e a libertação de todos os prisioneiros muçulmanos em 48 horas.

Notícias relacionadas