WSCOM Online

Login no site Esqueci minha senha O que é Vozmice?
Busca no site

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Aliquam dapibus leo quis nisl. In lectus. Vivamus consectetuer pede in nisl. Mauris cursus pretium mauris. Suspendisse condimentum mi ac tellus. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Donec sed enim. Ut vel ipsum. Cras consequat velit et justo. Donec mollis, mi at tincidunt vehicula, nisl mi luctus risus, quis scelerisque arcu nibh ac nisi. Sed risus. Curabitur urna. Aliquam vitae nisl. Quisque imperdiet semper justo. Pellentesque nonummy pretium tellus.

Menu de navegação

/ Notícias / Policial

1/16/10 - 11:37 AM - Atualizado em 3/15/10 - 3:04 PM


Detran proíbe quadriciclo em vias públicas; PM deve apreender os veículos


O Departamento Estadual de Trânsito - Detran publicou no Diário Oficial a resolução nº 001/2010, proibindo a circulação de quadriciclo em vias públicas urbanas e rurais em todo o Estado. A determinação está em vigor desde o dia 11 desse mês. O documento é assinado pelo secretário da Segurança e Defesa Social, Gustavo Gominho, pelo superintendente do Detran, coronel Américo Uchoa, pelo coronel Wilde Monteiro (PM) e ainda pelos membros do Conselho Estadual de Trânsito.

O Departamento Estadual de Trânsito - Detran publicou no Diário Oficial a resolução nº 001/2010, proibindo a circulação de quadriciclo em vias públicas urbanas e rurais em todo o Estado. A determinação está em vigor desde o dia 11 desse mês.

O documento é assinado pelo secretário da Segurança e Defesa Social, Gustavo Gominho, pelo superintendente do Detran, coronel Américo Uchoa, pelo coronel Wilde Monteiro (PM) e ainda pelos membros do Conselho Estadual de Trânsito.

A resolução, estabelecida pelo Cetran, determina que a Polícia Militar deve fiscalizar, autuar e ainda aplicar penalidades. A maior incidência de circulação desse tipo de veículo acontece na orla marítima de Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa.

De acordo com a resolução os quadriciclos somente poderão circular após a emissão do Certificação de Adequação à Legislação de Trânsito – CAT, com exceção da polícia, operação de trânsito e de meio ambiente “que gozem de livre circulação”, além daqueles destinados a fiscalização.

Os condutores de quadriciclos que estiveram em desacordo com a resolução estarão sujeitos as penalidades e medidas administrativas previstas no Código Brasileiro de Trânsito e, quanto estiver sendo conduzido por menores de idade serão apreendidos, como também o condutor e os pais responsabilizados.

Abaixo a resolução do Detran:


DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO
CONSELHO ESTADUAL DE TRÂNSITO – CETRAN-PB

RESOLUÇÃO Nº 001/2010

“ESTABELECE PROIBIÇÃO DE CIRCULAÇÃO NAS VIAS PÚBLICAS URBANAS E RURAIS DOS VEÍCULOS TIPO QUADRICICLOS PARA CUMPRIMENTO DAS NORMAS DE SEGURANÇA DE TRÂNSITO”

O CONSELHO ESTADUAL DE TRÂNSITO DO ESTADO DA PARAÍBA –CETRAN/PB, no uso de suas atribuições legais e regulamentares que lhe são conferidas pelo artigo 14, incisos I, II e VII da Lei Federal nº 9.503 de 23 de janeiro de 1997 – Código de Trânsito Brasileiro – CTB. e pelo Decreto nº 20.217/98 do Governo do Estado da Paraíba;

Considerando, que o CETRAN/PB é o órgão colegiado, normativo, consultivo e coordenador do Sistema Estadual de Trânsito, possuindo competência para acompanhar e coordenar as atividades de administração, engenharia, fiscalização, policiamento ostensivo de trânsito, formação de condutores, registro e licenciamento de veículos, juntas médicas e psicológicas, articulando os órgãos do Sistema no Estado, reportando-se ao Conselho Nacional de Trânsito – CONTRAN, na forma do artigo 333, § 2º do CTB e da Resolução nº 244/2007.

Considerando, que a segurança do trânsito é um direito de todos e dever dos órgãos e entidades integrantes do Sistema Nacional de Trânsito, a estes cabendo, no âmbito de suas competências, adotarem as medidas destinadas a assegurá-la;

Considerando, que as ações deverão ser voltadas à defesa da vida;

Considerando, recomendação expressa do Ministério Público, manifestada através de seu representante legal, durante a Reunião Ordinária deste Conselho realizada no dia 11 de janeiro de 2010;

Considerando, o crescente número de quadriciclos circulando em vias do Estado, bem como a ocorrência de acidentes envolvendo os mesmos;

Considerando, que todo o veículo para transitar em vias públicas deverá ser licenciado pelo órgão executivo de trânsito do Estado, e para este licenciamento o veículo deverá estar registrado no RENAVAM;

Considerando que para o registro e cadastramento no RENAVAM os veículos deverão possuir Certificado de Segurança emitido pelo fabricante, conforme exigências contidas no parágrafo 1º do art. 103 do CTB. e na Resolução nº 77/1998 do CONTRAN- Conselho Nacional de Trânsito;

Considerando que os quadriciclos não são homologados pelo DENATRAN, por não atenderem à legislação vigente em questão de segurança para transitar nas vias públicas, não possuindo, por esta razão, o CAT – Certificado de Adequação à Legislação de Trânsito;

Considerando, a responsabilidade legal e regulamentar do Conselho Estadual de Trânsito como órgão consultivo, normativo e como coordenador das atividades de trânsito no âmbito estadual.
RESOLVE:
Art. 1º - Os veículos da espécie quadriciclo, enquanto não obtiverem o CAT – Certificado de Adequação à Legislação de Trânsito, estão proibidos de circular nas vias públicas urbanas e rurais do Estado do Paraíba, exceto os de policia e os destinados à fiscalização e operação de trânsito e do meio ambiente, que gozam de livre circulação.

Art. 2º - O Condutor de quadriciclo que venha a cometer infrações de trânsito estará sujeito às penalidades e medidas administrativas previstas no Código de Trânsito Brasileiro – CTB e Resoluções correlatas. No caso do quadriciclo ser conduzido por menor de idade, além das sanções constantes no CTB, o menor será apresentado ao Ministério Público e seus pais responderão criminalmente.

Parágrafo único – O quadriciclo será apreendido quando circular nas vias públicas, e aplicar-se-á, no que couber, o que dispõe o artigo 262 do Código de Trânsito Brasileiro – CTB.

Art. 3º - Caberá aos órgãos executivos de trânsito e a Policia Militar nos termos do art. 23 inciso III do CTB, fiscalizar, autuar, aplicar penalidades e arrecadar as multas decorrentes de infrações cometidas na inobservância da lei e desta Resolução.

Art. 4º - Esta resolução entra em vigor a partir da sua publicação.
João Pessoa, 11 de janeiro de 2010

Cardoso Filho
WSCOM Online







Revista Nordeste

Veja nesta edição: O Futuro do Brasil.


Veja no Portal NORDESTE:

Busca no site


© Todos os direitos reservados - Grupo WSCOM de Comunicação - www.wscom.com.br

Produzido por Construir Sites