Paula Gentil, da TV CORREIO, fala sobre audiência e mercado em entrevista - WSCOM

menu

Economia & Negócios

02/02/2018


Paula Gentil fala sobre audiência de TV

MIDIA

O publicitário Rinaldo Pessoa traz uma nova entrevista para o Portal WSCOM, agora com a diretora comercIal da TV CORREIO/ RECORD falando sobre conjuntura do mercado.

RINALDO PESSOA – Você quando assumiu a Gerência comercial da Tv Correio, não era da área. Foi um grande desafio?

PAULA GENTIL – Na verdade, já cheguei na TV Correio / Record com a titularidade de diretora comercial,a Daniela Rabelo hoje que é gerente comercial,hoje incorporei MKT TV.
Desafio sim!! mas um desafio gostoso,era toda uma mudança de posicionamento e de credibilidade da marca no mercado que teria que mudar,sem falar na programação. Hoje com 20 (vinte) anos de TV Correio/RECORD e + 02 (dois) que passei no jornal impresso.


RINALDO – No inicio, a TV Correio transmitia um sinal de uma outra emissora  tinha uma estrutura pequena e sofria com uma concorrência de uma outra Tv local. Era difícil naquela época? 


PAULA GENTIL – Quando cheguei em 12/03 /98 a Correio já era Record desde 01/01/98, a estrutura era minima mas rapidamente foram feitos investimentos na programação e em aumento de colaboradores.


RINALDO – Com o passar dos anos, a direção da Tv Correio investiu muito em tecnologia, conteúdo e em profissionais. Isso refletiu na qualidade do que está no ar e no faturamento?


PAULA GENTIL – Com certeza, os maiores investimentos foram em tecnologia e em talentos para a programação, essa mudança rapidamente foi assimilada pelo mercado, dai começamos uma nova historia comercial com o mercado, oferecendo grandes diferenciais em nosso planos e projetos .


RINALDO – Além desses investimentos, passou a ter uma cobertura de quase 100% do estado da Paraíba que antes ficava dependendo de antenas parabólicas e assistindo programação de outras partes do Brasil. Foi uma grande conquista para o povo paraibano?


PAULA GENTIL – Partindo para o projeto da expansão do sinal, agregamos mais outro diferencial e criamos o slogan (do litoral ao sertão com um único sinal )sem falar que tínhamos e temos  o melhor custo beneficio até hoje. 

 

RINALDO – A TV Correio consegue se comunicar com o Paraibano do litoral ao sertão, isso criou uma identidade muito forte entre o veículo, os apresentadores e o telespectador. Como vc ver esse envolvimento?


PAULA GENTIL – Envolvimento dos telespectadores Paraibanos sempre foi o melhor possível conosco, passamos a estar em todos os lares e paralelo a expansão do sinal foi feita contratação de mais equipes para termos noticias diariamente de todas as regiões do estado.


RINALDO – O Sistema Correio é muito forte na criação de projetos que valorizam os eventos do nosso Estado, como São João, Carnaval e outros ligados a esportes, ações sociais e cultura. Isso aproxima mais o patrocinador nacional do consumidor local?


PAULA GENTIL – Sim, sempre trabalhamos com projetos diferenciados fomos pioneiros em vários Verão + Micaroa + Micarande + Campeonato Paraibano de Futebol + Final nacional de Triathlon + Folia de Rua + São João e muitas inaugurações de instituições. Os resultados são positivos o grande anunciante nacional enxerga nesse eventos uma maneira de estar regionalizando a marca. 

RINALDO – Quais são os principais projetos patrocináveis da Tv Correio para 2018? 

PAULA GENTIL – Na verdade, não identifico os principais projetos, temos um calendário anual que é composto de 23 projetos e são colocados no mercado local e nacional, e alguns mais que agregamos para venda + local focados na marca do cliente.

RINALDO – A audiência da tv aberta mudou muito no Brasil últimos anos, graças a um trabalho incansável, estratégico e inteligente de diretores da Rede Record a emissora cresceu muito em audiência e Market share.  Esse crescimento da audiência também refletiu positivamente com a Tv Correio?


PAULA GENTIL – Essa audiência sempre foi diferenciada aqui e dentro da nossa REDE,somos considerados exemplos, a anos temos programas em primeiro lugar produzidos localmente por talentos Paraibanos, isso nos deu uma posição bem confortável no estado.

RINALDO – Mudou também a divisão do bolo do mercado em termos de faturamento?


PAULA GENTIL – Não acredito que mudou a divisão do bolo, acredito que o que tem que mudar somos nós diariamente enxergando diferenciais de envolvimentos com as marcas de nosso clientes.

Notícias relacionadas