Moracy nega que Ronaldo tenha 'pedido para sair' contra a Croácia - WSCOM

menu

Mais Esporte

16/06/2006


Moracy nega que Ronaldo tenha

O preparador físico da seleção brasileira Moracy Sant’Anna afirmou nesta sexta-feira que Ronaldo não pediu para ser substituído na estréia da equipe na Copa do Mundo, contra a Croácia, na terça-feira, e que a entrada de Robinho no lugar do experiente atacante foi uma opção do treinador do time, Carlos Alberto Parreira.

“Não foi o Ronaldo quem pediu para sair contra a Croácia”, disse o preparador, que desmentiu a mãe do jogador, Sônia Nazário. Ela havia dito à Rede Globo que o seu filho pedira para ser substituído por estar se sentindo mal.

Ronaldo vem sendo muito criticado por sua atuação na primeira partida da equipe no Mundial, quando teve pouca movimentação e deu apenas um chute a gol. O próprio treinador da seleção já havia admitido que a substituição do jogador havia sido motivada por critérios técnicos.

“É evidente que a estréia dele não foi a melhor possível, ele estava realmente fora de sintonia e por isso acabou saindo’, disse Parreira na quinta-feira.

“Sou consciente de que minha atuação não foi boa no jogo passado, mas espero melhorar e fazer gols no próximo jogo”, reconheceu Ronaldo, que negou ter se sentido mal em campo.

Além do péssimo desempenho diante dos croatas, Ronaldo vem sofrendo uma série de problemas. Depois de bolhas no pé e febre (decorrente de uma infecção na garganta), na quarta-feira ele sentiu tontura e teve que ser levado a uma clínica. Oficialmente, os exames não comprovaram nada.

O atacante do Real Madrid já voltou aos treinos normais e está confirmado na equipe que enfrenta a Austrália no próximo domingo.

Notícias relacionadas