Hamas concorda com plano que reconhece Israel - WSCOM

menu

Internacional

27/06/2006


Hamas concorda com plano que

Diversas facções palestinas, entre as quais as rivais Hamas e Fatah, entraram em acordo nesta terça-feira para assinar um documento que implicitamente reconhece o estado de Israel.

Em meio à tensão gerada pelo seqüestro de um soldado israelense na Faixa de Gaza, um porta-voz do “diálogo nacional” disse que o acordo poderia abrir caminho para retomar as negociações de paz entre israelenses e palestinos.

A informação foi confirmada pelo porta-voz do Hamas, Sami Abu Zuhri. Antes, o partido se opunha ao acordo, que considerava um “golpe de estado”.

O plano será anunciado pelo presidente Mahmoud Abbas, da Fatah, e o premiê Ismail Haniyeh, do Hamas.

Plano – O acordo de 18 pontos foi elaborado por vários membros de facções palestinas presos por Israel.

Um Estado palestino seria criado em toda a Cisjordânia e a Faixa de Gaza e a parte oriental de Jerusalém, nos limites anteriores à ocupação de 1967.

A única facção que não apoiou o acordo foi a Jihad islâmica, que não estava no encontro das organizações palestinas.

Notícias relacionadas