Governador reage às críticas e contra-ataca Governo Federal: ‘Eles é que omitem - WSCOM

menu

Paraíba

06/06/2006


Governador reage às críticas e

O governador Cássio Cunha Lima reagiu hoje às críticas de que omite a participação do Governo Federal em obras e serviços realizados na Paraíba. ‘Eles é que fazem isso’, disse o governador. ‘Pode olhar nos out-doors dos programas Luz para Todos e do Leite – eles não falam da contra-partida do Estado’.

As críticas têm sido feitas por opositores do Governo do Estado. Desde o começo da semana, uma publicidade assinada pelo Partido dos Trabalhadores também reivindica autoria de projetos em curso na Paraíba.

‘Nós registramos a parceria, mas a recíproca não é verdadeira’, se queixou o governador. Ele citou como exemplo da duplicação da BR 230. ‘A obra está sendo feita com recursos do Governo Federal com contra-partida do Estado, mas sempre que se fala na obra nossa participação é esquecida’, ilustrou o governador.

Ele lembrou que o Governo do Estado também entra com 25% dos recursos no Luz para Todos e mais 20% no programa do Leite.

Programas – O governador disse que já está montando o programa de governo, que colocará em ação caso seja reeleito. O principal foco será o turismo e a infra-estrutura, com construção de estradas e obras de saneamento.

Também figuram no programa ações de geração de emprego e renda. Outros dois setores destacados hoje pelo governador são nas áreas da Educação e Segurança Pública.

Escolas – O governador cumpriu esta manhã agenda de entrega de obras de escolas em quatro bairros da Capital.

No Alto do Mateus entregou reforma e ampliação da Escola Estadual Horácio de Almeida, onde funcionará laboratório de informática para atender 1.300 alunos da 5ª série ao 3º ano do ensino médio. A obra incluiu ainda laboratório de ciência, biblioteca e ginásio de esportes.

Em Mangabeira Cunha Lima entregou reforma do CAIC Damásio Franca, que atende 1.259 alunos do pré-escolar a 8ª série.

O governador incluiu na agenda visita as obras de construção da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio do conjunto Cidade Verde.

Já no início da tarde, Cunha Lima entregou o prédio reformado da Escola Liliosa de Paiva Leite, no Cristo Redentor.

Juntas, as obras demandaram investimento de R$ 2,3 milhões, segundo dados anunciados pela assessoria do Governo do Estado.

Notícias relacionadas