WSCOM Online

Login no site Esqueci minha senha O que é Vozmice?
Busca no site

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Aliquam dapibus leo quis nisl. In lectus. Vivamus consectetuer pede in nisl. Mauris cursus pretium mauris. Suspendisse condimentum mi ac tellus. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Donec sed enim. Ut vel ipsum. Cras consequat velit et justo. Donec mollis, mi at tincidunt vehicula, nisl mi luctus risus, quis scelerisque arcu nibh ac nisi. Sed risus. Curabitur urna. Aliquam vitae nisl. Quisque imperdiet semper justo. Pellentesque nonummy pretium tellus.

Menu de navegação

/ Notícias / Economia

2/16/13 - 5:02 PM


Veja 10 franquias que faturam acima de R$ 50 mil


Empresas faturam acima de R$ 50 mil e lucram até 30%

A previsão, informada pelo franqueador, é uma média obtida entre os franqueados da rede e pode sofrer variação dependendo da região onde está instalado o ponto comercial.

Franquias com faturamento alto chamam a atenção de futuros empreendedores, mas é o lucro que deve ser considerado na escolha da rede na hora de investir, segundo especialistas. Isso porque o faturamento é um valor bruto que não leva em conta os custos fixos e de operação. Já a porcentagem de lucro líquido é o total que ficará para o empreendedor no final do mês.

A previsão, informada pelo franqueador, é uma média obtida entre os franqueados da rede e pode sofrer variação dependendo da região onde está instalado o ponto comercial.

Dez franquias com faturamento entre R$ 50 mil e R$ 100 mil, com margem de lucro líquido de 10% a 30%. Neste recorte, a lucratividade é de no mínimo R$ 5.000. No máximo, pode chegar a R$ 30 mil. Dentre as redes estão House Shine (limpeza comercial e residencial), Mahogany (cosméticos e perfumes), Big X Picanha (fast food), Seletti (culinária saudável) e Spoleto (massas).

Segundo o diretor executivo da ABF (Associação Brasileira de Franchising), Ricardo Camargo, a localização do ponto comercial e gestão do franqueado são os fatores que mais podem levar a lucratividade do negócio para cima ou para baixo.

Uma loja em um shopping, por exemplo, tende a faturar mais do que uma loja de rua. No entanto, os custos são maiores e o impacto na lucratividade também pode ser maior. "Há negócios que faturam alto, mas a porcentagem de lucro líquido é baixa. É necessário avaliar se o investimento vale a pena", diz.
Empreendedor deve checar informações antes de investir

De acordo com o presidente da consultoria Cia. de Franchising, Marcos Nascimento, antes de investir em uma franquia, o empreendedor deve analisar cada ponto da ficha técnica, como lucratividade, investimento, prazo para retorno do investimento, royalties e taxa de propaganda.

Além disso, no plano de negócios elaborado em conjunto com o franqueador, é importante verificar se há condições de alcançar as metas de vendas estabelecidas. Uma forma de fazer a checagem é conversar com outros franqueados da rede e com comerciantes locais.

"É muito enganoso oferecer franquia apenas pelo faturamento, o que conta é o lucro. O empreendedor tem de conhecer estrutura e os custos fixos da operação antes de investir", afirma o consultor.

Para Nascimento, um ponto comercial com localização adequada corresponde a 50% do sucesso de um franqueado. Ele tem de estar em locais frequentados pelo público-alvo da rede.

"Todo negócio tem o risco de não alcançar o retorno esperado. Seguindo as orientações do franqueador, o empreendedor minimiza a possibilidade de fracasso, mas não a elimina", declara.
 

UOL







Revista Nordeste

Veja nesta edição: Quanto custa e quem financia as campanhas.


Veja no Portal NORDESTE:

Busca no site


© Todos os direitos reservados - Grupo WSCOM de Comunicação - www.wscom.com.br

Produzido por Construir Sites