Cássio assina protocolo de intenções para Várzeas de Sousa e lembra que projeto - WSCOM

menu

Economia & Negócios

30/06/2006


Cássio assina protocolo de intenções

O governador Cássio Cunha Lima assinou, nesta quinta-feira, um protocolo de intenções com o grupo Carrefour, que vai garantir a compra de todo o material produzido pelas Várzeas de Sousa para a revenda aos consumidores. O projeto foi reformulado e vai receber recursos estaduais para começar a produção de frutas, hortigranjeiros e legumes.

Uma primeira parte do projeto se estende por 973 hectares de várzeas, onde estão instalados 178 trabalhadores rurais, que já trabalham com irrigação há muitos anos. Eles receberam 178 lotes de terras, todos demarcados e divididos pelo Interpa, com assessoria técnica da Emater, Emepa, Secretaria da Agricultura e Secretaria da Infra-Estrutura do Estado.

Em seu pronunciamento aos produtores irrigantes, o governador Cássio Cunha Lima fez um relato sobre a origem e a trajetória do projeto das várzeas de Sousa. Cássio afirmou que todo o processo começou com o então senador Antonio Mariz, quando o governador era Ronaldo Cunha Lima e depois Cícero Lucena, que foi vice-governador de Ronaldo e em seguida assumiu a administração.

Os agricultores estão agrupados em 13 associações de trabalhadores rurais e todos eles receberam os documentos de propriedade das terras onde estão instalados.

“À proporção que a produção aumentar, vamos levar os produtos de Sousa para as lojas de Recife e Salvador e numa fase posterior para as lojas de todo o país, pois a nossa idéia é incentivar os agricultores a produzir orgânicos”, disse Arnaldo Eijsink, diretor de Agro-Negócios do Carrefour.

Notícias relacionadas