Bolsonaro chama manifestantes de 'idiotas' e diz que desempregados do país 'não têm qualificação' - WSCOM

menu

Política

15/05/2019


Bolsonaro chama manifestantes de ‘idiotas’ e diz que desempregados do país ‘não têm qualificação’

Brasil, S„o Paulo, SP, 27/11/2017. Retrato do deputado Jair Bolsonaro (PSL-RJ) durante entrevista para jornalistas e colunistas da Revista Veja. - CrÈdito:H…LVIO ROMERO/ESTAD√O CONTE⁄DO/AE/CÛdigo imagem:219891

 O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, partiu para o confronto e decidiu provocar milhões de brasileiros que saíram e estão saindo às ruas neste 15 de maio. Do Texas, onde foi receber uma premiação após ser impedido de ir a Nova York, ele xingou os estudantes brasileiros, chamando-os de de “idiotas úteis”. E ainda atacou os desempregados do país, dizendo que “não têm qualquer qualificação”

Bolsonaro parece alheado do que está acontecendo no país; disse que “a maioria ali é militante”, referindo-se aos milhões de manifestantes.

O que ele disse na porta do hotel onde ficará hospedado: “É natural, é natural, mas a maioria ali é militante. Se você perguntar a fórmula da água, não sabe, não sabe nada. São uns idiotas úteis que estão sendo usados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo das universidades federais no Brasil”.

Enquanto isso, as ruas do país, nas capitais, cidades grandes, médias e pequenas, estão ocupadas por manifestações em defesa da Educação e em protesto contra os ataques de Bolsonaro e seu governo, especialmente o ministro Abraham Weintraub, às universidades e escolas. 


Entrevista

Bolsonaro chegou a dizer na rápida entrevista que os milhões de desempregados do país “não têm qualquer qualificação” atribuindo o fato ao PT. Enquanto seu governo desmonta a educação do país, resultado de uma construção de anos durante os governos Lula e Dilma, Bolsonaro tenta vender uma ficção, acusando “a garotada, com 15 anos de idade”, de não saber “uma regra de três simples”. No entanto, quem tem dado seguidas demonstrações de desconhecer a regra de três têm sido o ministro da Educação, em suas apresentações públicas. 

O que disse Bolsonaro: “Se você pega as provas, que acontecem de três em três anos, está cada vez mais ladeira abaixo. A garotada, com 15 anos de idade, na oitava série, 70% não sabe uma regra de três simples. Qual o futuro destas pessoas? Fala-se que tem muito desempregado, 14 milhões, mas parte deles não têm qualquer qualificação porque esse cuidado não teve pelo PT ao longo de 13 anos”.


Brasil 247