Autoridades discutem interdição do trânsito da orla de João Pessoa - WSCOM

menu

Policial

16/03/2018


Autoridades discutem interdição do trânsito da orla de João Pessoa

No bairro onde aconteceu o acidente, a fiscalização é feita por agentes do BPTRAN, que é o órgão que faz o bloqueio da área

Após o atropelamento de duas mulheres que caminhavam na orla de Cabo Branco nessa quita-feira (15), em João Pessoa, autoridades de trânsito devem discutir a interdição das vias na manhã desta sexta-feira (16).

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) recebe, às 10h, o Batalhão de Trânsito da Policia Militar do Estado da Paraiba (BPTRAN), para discutir as regulamentações de circulação do local. “Algumas regras precisam ser avaliadas para revermos estes problemas que estão acontecendo. Também vamos ouvir os moradores e comerciantes da região”, disse Adalberto Alves de Araújo Filho, superintendente da Semob.

A circulação de veículos é proibida parcialmente em vários trechos da orla da capital, das 5h às 8h da manhã, há mais de 20 anos. No bairro onde aconteceu o acidente, a fiscalização é feita por agentes do BPTRAN, que é o órgão que faz o bloqueio da área.

A vítimas, de 62 anos, socorrida para o Hospital de Trauma, recebeu alta por volta das 17h30 da quinta-feira. A outra vítima continua internada em estado regular em um hospital particular da cidade.

Entenda – Um homem, com suspeita de embriaguez, atropelou duas mulheres, fugiu do local e acabou capotando o veículo. O fato aconteceu no início da manhã desta quinta-feira (15) na praia do Cabo Branco, em João Pessoa.

De acordo com o sargento Ailton, da Companhia Especializada de Apoio ao Turista (Ceatur), o acusado teria saído de um quiosque na orla da capital quando atropelou duas mulheres que caminhavam na área.

Portal T5

Notícias relacionadas