WSCOM Online

Login no site Esqueci minha senha O que é Vozmice?
Busca no site

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Aliquam dapibus leo quis nisl. In lectus. Vivamus consectetuer pede in nisl. Mauris cursus pretium mauris. Suspendisse condimentum mi ac tellus. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Donec sed enim. Ut vel ipsum. Cras consequat velit et justo. Donec mollis, mi at tincidunt vehicula, nisl mi luctus risus, quis scelerisque arcu nibh ac nisi. Sed risus. Curabitur urna. Aliquam vitae nisl. Quisque imperdiet semper justo. Pellentesque nonummy pretium tellus.

Menu de navegação

/ Esportes / Futebol

6/29/12 - 3:19 PM


Balotelli: 'Comemorar gol por quê? O carteiro vibra quando entrega carta?'


Italiano brinca sobre comemoração sem camisa no jogo contra a Alemanha e diz que levou cartão porque o árbitro teve inveja de sua boa forma

 Mario Balotelli é mais famoso pelo que apronta, dentro e fora de campo, do que pelo que diz. Mas após virar o herói da Itália finalista da Eurocopa com os dois gols na vitória de 2 a 1 sobre a Alemanha, nesta quinta-feira, em Varsóvia, o atacante abriu a boca. E explicou a razão de raramente comemorar os seus gols.


- O carteiro comemora quando entrega uma carta? É só o meu trabalho, por que comemorar?


O jogador do Manchester City até celebrou de forma discreta junto com os companheiros após marcar o primeiro gol, aos 20 minutos do primeiro tempo, cabeceando para a rede ao receber cruzamento de Antonio Cassano pela esquerda. Mas no segundo gol, Balotelli foi responsável por uma das imagens mais marcantes da Eurocopa. Depois de acertar um forte chute da entrada da área que entrou no ângulo superior esquerdo de Manuel Neuer, o italiano tirou a camisa e, de cara fechada, mostrou os músculos. Pela comemoração, levou um cartão amarelo.


- Ele (o árbitro) viu meu corpo e ficou com inveja - brincou o jogador, punido por ter tirado a camisa.

Balotelli chegou aos três gols na Eurocopa e assumiu a artilharia da competição ao lado do alemão Mario Gómez, do croata Mario Mandzukic e do russo Alan Dzagoev, todos já eliminados do torneio. O atacante italiano, porém, disse que não se importa com a briga para ser o goleador da Euro 2012.


- Isso não faz diferença. Um jogador não é maior quando faz dois gols. Eu jogo primeiro para me divertir, depois para fazer gols - disse.


Por outro lado, caso seus planos deem certo, Balotelli terminará o domingo na capital ucraniana Kiev como campeão da Eurocopa e também como artilheiro do torneio. Após dedicar os gols diante da Alemanha à mãe, o jogador italiano sonha marcar em dobro diante dos espanhóis na decisão.


- Meu pai virá para assistir à final. Por isso, vou ter que marcar quatro gols, dois para cada um - completou.

Ge.







Revista Nordeste

Veja nesta edição: O Futuro do Brasil.


Veja no Portal NORDESTE:

Busca no site


© Todos os direitos reservados - Grupo WSCOM de Comunicação - www.wscom.com.br

Produzido por Construir Sites